Ministro Padilha homenageado nos 182 anos da Academia Nacional de Medicina

Foram 23 anos de expectativa, mas o sonho finalmente transformou-se em realidade e ontem foi inaugurado o novo prédio anexo da Academia Nacional de Medicina, no Centro. Em seguida, com presença do atual ministro da Saúde, Alexandre Padilha, e do ex-ministro,o acadêmico José Gomes Temporão, houve mais uma comemoração acadêmica: os 182 anos da ANM!…
.
Doado à Academia pela União no então governo Sarney, apenas há dois anos o terreno viu começarem as obras de construção, pela Balassiano Engenharia. Reza um contrato de comodato firmado com a empresa incorporadora, que arcou com os custos da obra, Dovel, dos sócios José Portinari Leão e Roberto Coimbra. Ela irá usufruir de parte do imóvel por 20 anos até que o prédio seja entregue em sua totalidade à Academia Nacional de Medicina
.
O novo edifício tem salas que serão alugadas, mas 540 m² já são usados pela academia, que inaugurou ali ontem o seu Centro da Memória Médica, reunindo sua biblioteca, o arquivo e o museu, transferidos do prédio antigo…
.
Durante a cerimônia concorrida, o ministro Padilha recebeu o diploma de vice-presidente honorário da instituição, das mãos de seu presidente, Pietro Novellino, um empreendedor obstinado, que merece todos os elogios que lhe foram feitos. Também prestigiaram a noite, o senador Lindbergh Farias e o secretário Municipal de Saúde do Rio, Hans Dohmann
.
Fotos de Sebastião Marinho
.
Academia 1715 Ministro Padilha homenageado nos 182 anos da Academia Nacional de Medicina
Ministro Alexandre Padilha e presidente Pietro Novellino
Academia 1644 Ministro Padilha homenageado nos 182 anos da Academia Nacional de Medicina
Jair de Carvalho Castro e José Gomes Temporão
Academia 1666 Ministro Padilha homenageado nos 182 anos da Academia Nacional de Medicina
Pedro e Norma Aleixo com José Leite Saraiva, presidente da Academia de Medicina de Brasília
Academia 1660 Ministro Padilha homenageado nos 182 anos da Academia Nacional de Medicina
Os médicos acadêmicos Antonio Luiz de Medina, Pietro Novellino, Marcos Moraes e Sergio Aguinaga

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *