Dos rubis de Liz Taylor à tiara de Lady Di, a mostra de joias do Qatar na Faap traz joias aos baldes – e literalmente!!!!

Se você está planejando ir a São Paulo, não deixe de ir. Se não está planejando, vai ter que ir. Pois é absolutamente obrigatória a visita à exposição das joias do Qatar que acaba de ser inaugurada na FAAP, Museu de Arte Brasileira.

Logo de entrada, a primeira visão é de uma das mais espetaculares joias de Elizabeth Taylor, o famoso broche “Lábios de Rubi”, feito por Salvador Dalí e presenteado a ela por Richard Burton.

Nem bem a gente recupera o autocontrole… e logo encara a tiara com pérolas e brilhantes, que cansamos de ver usada por Lady Di e agora pertence ao acervo da Mikimoto & Co, entre outras relíquias da realeza europeia e demais celebridades do planeta, que podem ser encontradas nesta mostra espetacular, surpreendente, de cortar o fôlego, acelerar os batimentos cardíacos de qualquer LPJ – Louca Por Joia – e dos Loucos Por Joias também! Pois não há quem aprecie o belo que não fique de cabeça virada e perca o rumo, diante de um tal show de maravilhas inacreditáveis, além de qualquer imaginação.

A exposição chama-se “Pérolas”, e as pérolas estão por toda a parte, apresentadas de todas as formas: aos potes, em pencas, aos baldes, nas próprias conchas, nas gaiolas e redes de pescadores, da forma como são retiradas do fundo do mar.

Ah, e o fundo do mar também é reproduzido com suas joias, joias, joias. E o público mergulhado nelas até o pescoço. Coisa mais linda, quanta preciosidade!

Tão incríveis quanto as joias são os cofres dos séculos 17 e 18, onde elas são exibidas. Tratam-se de itens do colecionador Hussain Alfardan, líder no comércio de pérolas naturais e dono do maior acervo conhecido no mundo de joias de pérolas e de cofres antigos.

Além dos acervos Mikimoto e Alfardan, a mostra apresenta a coleção de joias de pérolas da Yoko London, das melhores grifes de joias com pérolas no mundo, e do Qatar Museum.

“Pérolas” não é só luxo, beleza, riqueza e ostentação. Ela também é cultura, história, trabalho, tradição. Logo no início, a mostra dá uma visão geral da história natural das pérolas, através de rara coleção de vários moluscos, inclusive a concha cavalo, que produz a maior pérola existente, e do comércio da pesca das pérolas, desde a Antiguidade, levando-as do Golfo Pérsico para a Europa e a Ásia.

Há 7 mil anos o Golfo Pérsico fornece pérolas para adornarem os monarcas em todas as casas reais do mundo.

A exposição é ilustrativa. Desfaz mitos como o de que um grão de areia entra na concha e se torna pérola, e informa como as pérolas de fato se formam nos moluscos. Didática para adultos e crianças.

É uma das maiores exposições de pérolas já realizadas no mundo (garante seu diretor, Hubert Bari). Mais um forte motivo para não perdê-la de jeito algum!

“Pérolas” permanecerá em cartaz até o dia 20 de setembro com entrada gratuita.

Recomendo o programa fortemente aos amigos de bom gosto e que gostam e entendem de joias. A saber: Carmen Mayrink Veiga, Anna Clara Herrmann, Laja Zylberstajn, Bethy Lagardère, Yara Andrade, Angela Gutierrez, Rô Fisher, Angélique Chartouny, Yolanda Barros Barreto, Regina Ferraz, Sueli e Ricardo Stambowsky, Paulino e Fernanda Basto, Henriqueta Hermany, Cookie Richers, Mariza e Jair Coser, Beth e Carlos Alberto Serpa, Pepe Torras, Patricia Peltier de Queiroz, Idinha Seabra Veiga e alguns poucos mais. Pois há muitos que gostam. Há alguns que entendem. Mas raros são os que somam os dois fatores, como é o caso dos aqui citados.

Vejam as fotos:

Qatar Pérolas_Labios-de-Rubi_Salvado-Dali_Qatar-MuseumsOs “Lábios de Rubi” de Elizabeth Taylor – concebidos por Dalí, presenteados por Burton

 Qatar Pérolas_Lady-Di_Qatar-MuseumsA famosa tiara de Lady Di com brilhantes e pérolas

 EPérolas aos baldes, quase transbordando, de todos os tons, de todos os tamanhos e tipos, ai, que sonho!

EPérolas em cachos, como jabuticabas, alguém podia imaginar?!

EAs LPJ – Loucas Por Joias – ficam hipnotizadas. Se você é uma delas, vá corrrrendo!

EA concha cavalo produz a maior pérola de que se tem notícia, e também pérolas em tons do bege ao caramelo, quanta novidade! Dignas de Mariza Coser, estas.

EAs preciosidades estão expostas em cofres dos séculos 17 e 18, acervo único no mundo, do colecionador, também de pérolas, Hussain Alfardan, como este seu colar de pérolas southsea

EOutro item espetacular do acervo de Alfardan, exposto em um de seus cofres preciosos

EO visitante desce ao fundo do mar, neste mergulho das joias do Catar, que é um luxo só

EA técnica da pesca das pérolas, com suas redes e gaiolas, tudo desperta o interesse e a curiosidade

EPérolas tecidas a metro, terminando em franjas…. só mesmo no Qatar!

EA montagem é lúdica e didática, não apenas beleza e luxo: aqui, ilustra como acontece a seleção das pérolas de qualidade

 

Serviço De Hildezinha Informa:

“Pérolas”
uma exibição da Autoridade dos Museus do Catar em exposição no MAB-FAAP
Sobre a Exposição
20 de julho de 2014 até 28 de setembro de 2014
Endereço
Rua Alagoas, 903 – Higienópolis – São Paulo – SP
Horários:
Terças-feiras até Sextas-feiras: das 10:00 às 20:00h.
Sábados / Domingos / Feriados: das 13:00 às 17:00h
Fechado às Segundas-feiras

4 ideias sobre “Dos rubis de Liz Taylor à tiara de Lady Di, a mostra de joias do Qatar na Faap traz joias aos baldes – e literalmente!!!!

  1. Maravilhaaaaaa! Que espetáculo ,esta exposição !Realmente é imperdível…merece vir para o Rio de Janeiro …torço para que isso aconteça…será um sucesso,com certeza!

  2. Que preciosidade ! Amei !
    Texto ilustrativo, extremamente didático!
    Já agendei !!!
    Obrigada,bjs

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *