Casamento florido com agapantos e o requinte de Yolandinha Barros Barreto

Eles são lindos, são jovens, são empreendedores e são apaixonados. Vão ter um bebê em fevereiro e se casaram da maneira mais bonita, íntima, feliz e elegante que se possa cogitar.

Rodolfo Barros Barreto e Marcela Furlan disseram “sim” no sábado, convite para as seis e meia da tarde, horário de verão bombando em Ipanema.

Foi no apartamento da família dele, um segundo andar no Arpoador, espuminha do mar em frente quase batendo na barra da saia do vestido da noiva, visão loura, adentrando o salão pelo braço do pai, ao som do sax de Guilherme. Só o sax. Ah, requinte!

Eles se conheceram em Santa Catarina, Jurerê Internacional, a mais famosa concentração de mulheres lindas do planeta na atualidade.

A beleza deu o tom. A começar pelas mães dos noivos, com seus vestidos longos bordados. O de Yolandinha Barros Barreto, um Elie Saab ameixa, tom da moda, que por coincidência combinou com o jardim vertical de agapantos e vandas, ocupando toda a estante da parede principal da entrada, onde Yolanda costuma exibir sua coleção de vidros e enfeites raros.

Os 2.250 agapantos lilás e brancos, perfumados, vieram da fazenda. As vandas, brancas e roxas, de Holambra.

Na grande biblioteca foi colocada pista de  dança em quadrados de cristal de luz âmbar. Sabedoria de Yolanda, que, assim, além de proteger o piso, agradou aos jovens. Depois do sax, o DJ Mamede assumiu as rédeas do espetáculo e fez-se o baile.

As festas de Paulo e Yolanda têm um diferencial que as tornam singulares. Não é o poder, não é o dinheiro, não é a elegância, não é a juventude, não é a beleza, muito menos é a fama que determina a ambicionada inclusão na lista de convidados. A fórmula, de química perfeita, é simples e de ingrediente único, assim explica Yolanda: “Só recebo quem eu gosto”.

E é tão fácil reunir todos que se ama numa mesma festa!

Os da família e os antigos amigos, da velha guarda, chegam cedo. São sempre pontuais. Seis e meia estavam todos lá, recebidos à porta pelos Barros Barreto, com carinho enorme, afetividade.

Os mais glamourosos costumam ser retardatários, sabem que precisam economizar fôlego (e pés) pois a noite e a dança prometem longo esforço, de muitas horas. Daí que começam a chegar às oito, oito e meia, nove, dez…

E o elenco da festa, então, vai ganhando outra fisionomia, num rodízio revigorado de personagens. Os de agora mais fosforescentes, destacando-se, a sempre deusa Aparecida Marinho, a Papá, de renda verde esmeralda, corpo justo, saia franzida e uma esmeralda magnífica a cintilar retangular no dedo.

Os amigos são os habituais, Patrícia Laport, Isabelle de Ségur, os Bandeira de Mello, Tania Caldas, Edgar Moura Brasil, Cristiana Malta e Ary Sucena, Jonja e Kitty, Tony Souza Silva e Gisela Zingone, Monica Marinho, Pedro e Teresa Avvad, os Seiler, Paulo e Angela Rocco…

Mas aquela não era uma festa habitual. Paulinho confessava: “Acho que estou mais tenso que meu filho”. São pais amorosos, presentes, dedicados.

Yolanda, detalhista, pensou em tudo. Até no técnico plantonista, das 5 da tarde às 5 da manhã, em caso de enguiço do elevador, que não anda lá muito católico. Um olho na missa, outro no sacristão. Enquanto observava a circulação dos garçons, ela convidava as amigas a conhecerem seu novo trabalho: um livro com fotos do Rio de Janeiro, já devidamente ampliadas e exibidas na parede da sala. É uma mulher talentosa.

A cerimônia da juíza Maria Vitória teve aquele seu tradicional tom solene, conferindo à ocasião a gravidade, a importância e a emoção que efetivamente tem. Noivos, pais, irmãos, amigos, todos se comoveram. E o sax sublinhando, insisto.

Buffet da Ecila, irrepreensível. Como sempre é nos coquetéis, almoços e jantares naquela casa. Champagne e bebidas alcoólicas, só após a solenidade.

E fez-se a alegria!

yolandinha 1

yolandinha 2 yolandinha 3 yolandinha 4

5 ideias sobre “Casamento florido com agapantos e o requinte de Yolandinha Barros Barreto

  1. Yolanda
    Não nos vemos há tempos, mas nosso mestre Gaspar contou-me a mais pura verdade. Você estava deslumbrante no casamento do seu filho e, como sempre, sua elegância organizou uma cerimônia impecável. Parabéns aos noivos! Bjs
    Magda Bouças

  2. AMO desde priscas eras o seu jeito maravilhosos de escrever; “um olho na missa, outro no sacristão”, hahaha, adorei, beijos , Hilde!

  3. Festa de primeiro mundo …tudo de qualidade e gente elegante e fina !!!!! Parabéns aos noivos Marcela e Rodolfo !!!! Sucesso ….

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *