Professor Ivo Pitanguy: ‘Estou muito fragilizado, a dor vai penetrando cada vez mais’

ivo

Sou amiga da família Pitanguy e tenho particular apreço pelo professor Ivo Pitanguy. Não somente pelos seus méritos de grande cirurgião, renovador da cirurgia plástica, nome conhecido, respeitado, reverenciado e consagrado na área médica científica internacional.

O que particularmente faz de Ivo Pitanguy objeto de minha admiração é sua longa vida de dedicação ao próximo. Um homem de sua projeção e importância poderia ser indiferente ao mundo à sua volta, arrogante com os demais. Não é o seu caso. Sua sensibilidade o levou a se dedicar durante toda esta sua trajetória profissional a uma Enfermaria na Santa Casa da Misericórdia, promovendo ali operações gratuitas. Corrigindo defeitos de nascença ou anomalias adquiridas, em acidentes ou por doenças, em pessoas que não poderiam arcar com intervenções de alto custo.

Não apenas na Santa Casa, fui testemunha pessoal de vários gestos de nobreza do doutor Pitanguy, em sua própria clínica luxuosa, cobrando o mínimo, “o que o senhor puder pagar”, ou até nem cobrando, de pessoas sem recursos para tal, tocado por tristes relatos de vida. É um emotivo e, por princípio de vida, um solidário.

Generoso, fez o que certamente uma celebridade personalista evitaria: compartilhou seu saber com muitos, centenas, milhares. O professor Ivo Pitanguy transformou sua clínica em célula multiplicadora de conhecimentos e aceitou estagiários de todo o mundo, podendo acompanhar de perto seu trabalho na clínica em suas formações, e de lá saindo com o maior galardão que um cirurgião plástico de nosso tempo pode ostentar: ter trabalhado com o grande mestre Ivo Pitanguy. Um abre-portas que, por antecedência, já consagra uma carreira ao sucesso.

Pai de quatro filhos, Ivo, ao lado de Marilu, sempre os quis ter perto. Como, por força da atividade profissional, ele precisava estar frequentemente na Europa, o casal mantinha casas também no exterior, para jamais se afastar dos filhos. As férias de inverno eram no chalé de Gstaad, onde esquiavam todos, Marilu, Ivo e os quatro. As de verão, no Rio de Janeiro, na ilha de Angra. E a criançada toda junta. Viviam ora no apartamento de Paris, ora na casa da Gávea, sempre a mesma, onde a diversão era praticar jiu-jitsu, Ivo, Marilu e a prole, com direito a tatame em quiosque japonês construído pra isso. Na ilha, praticavam pesca submarina. Juntos, todos juntos.

Marilu e Ivo são dois afetuosos. Os filhos são amorosos e carinhosos com os amigos dos pais.

Agora, leio que Ivo Filho tem muitas multas de trânsito, vários pontos na carteira e anotações da Lei Seca. Tenho certeza de que não era isso que Marilu e Ivo pretendiam para seu filho, nem que Ivinho queria para ele mesmo.  Fatos tristes acontecem em nossas vidas e se tornam fatos trágicos quando envolvem a perda da vida de uma outra pessoa, de um pai de família. Neste caso, um nordestino daqueles que ajudam a construir nosso país, como tantos dos outros a quem o professor Pitanguy deve ter prestado a solidariedade de seu bisturi em cirurgias corretivas. Uma total infelicidade.

Telefonei para Ivo, 89 anos. Não pretendia reportar nossa conversa, mas acho que, da forma que o quadro se delineia, isso fará mais bem do que mal. Ouvi daquele que sempre chamo mestre: “Foi um acidente deplorável. Dessas coisas terríveis que acontecem na vida. Estou profundamente triste. Triste pelo meu filho Ivo, pela pessoa que morreu, a cuja família procuraremos dar todo o apoio,  e pelas circunstâncias. Se há algo de bom é o número de pessoas amigas que se manifestam. Estou muito fragilizado, a dor vai penetrando cada vez mais. Meus filhos estão me preservando e tomando todas as providências por mim. Eu sempre tomei por eles”.

33 ideias sobre “Professor Ivo Pitanguy: ‘Estou muito fragilizado, a dor vai penetrando cada vez mais’

  1. Querida Hilde, se eu fosse vc. não procuraria ninguém querido seu para falar de matérias dessa seara, há não ser que fosse procurado e ou convocado. Porquê? Talvez salgue mais do que o seu talhe, que é sempre muito doce. Aproveitaria com Dr. Ivo a promoção de alguma data marcante de sua vida e ou da sua clínica e atividades. Beijo do seu Álvaro.

  2. Sempre tive muita admiração pelo cirurgião Ivo Pitanguy, exatamente por esse lado de humildade, de amor ao próximo – virtudes difíceis de serem vistas, sobretudo na maioria dos profissionais da área médica-, que sempre acompanhei nas minhas leituras e na própria mídia. Força, homem, as fatalidades da vida existem, essa não foi a primeira e nem a última. Também não temos culpa nenhuma das escolhas dos nossos filhos, lutamos pela vida toda para que sejam como nós, mas ninguém é igual, nem mesmo eles com relação a nós. Já reconhecer que vai ajudar aos familiares da vítima é uma virtude diante de muitas atitudes abomináveis de ricaços que procuram esconder o erro dos filhos, comprando testemunhas e/ou, fugindo para outros países. Sei que Deus tá no comando, tenha fé Nele. Abç

  3. Dr. Ivo
    As vezes em nossas vidas temos alguns momentos de tristeza e desassossego,mais em compensação sua Alma engrandece ao Senhor! Tenho fé em Deus que ele fará seu espírito se encher de alegria!!! Acredite todo mal transcorre para um grande bem. Estou em oração pela sua família.

  4. Impossível culpar um homem que se doou a vida inteira, para a sociedade e para a família, pelos erros dos filhos. Como mãe, não posso criticá-lo, mas erros assim causam dor profunda.

  5. Tenho orado pelo Ivo filho e isto independe da família a que ele pertence, embora o Dr.Ivo seja pessoa muito querida. Acho que todos merecemos reparar nossos erros e fazer um recomeço, com muita coragem. E creio que a morte de alguém assim é uma fatalidade.
    Todos tem muito a aprender com o episódio.

  6. pitanguy receba um abraço afetuoso.serei sempre grata pelo que vc fezpor mim e pelo bem que fez por tantos .. alguma bençao vc ha de receber

  7. Apesar de acompanhar a trajetória do dr Pitangy pela imprensa tenho admiração pela maravilhosa pessoa humana. Estou muito triste por esse momento que a família está passando. Nada conforta.

  8. Lamento profundamente pelas famílias envolvidas.
    Conhecendo o bem que o pai prestou a inúmeras pessoas, não merecia passar por essa dor tão dilacerante.
    A consciência de que drogas lícitas e ilícitas só fazem mal, deve prevalecer.

    • Realmente, Roberto, o automóvel é uma arma e, se for comprovado o uso de bebida, pela nossa lei isso é um agravante. Houve a morte de um pai de família. Uma completa tragédia! O que o texto pretende fazer ver é a ironia de, em seus últimos anos, ter que passar por uma situação dessas um homem como o professor Pitanguy, que já salvou tantas vidas – e salvou – desde o incêndio do circo em Niterói, quando ele se projetou profissionalmente, atendendo, tratando e salvando centenas de queimados, aos dias de hoje. A cirurgia plástica, erroneamente, é vista na maioria das vezes apenas pelo aspecto cosmético, mas ela é muito mais importante por recuperar pessoas com anomalias graves, que até as impedem de viver. E sobreviver.

      • Creio que no mundo convivemos com a alegria ao lado da tragédia. Dificilmente deixamos de passar por situações que nos causam sofrimento extremo.
        Nunca desistir, sempre buscar o recomeço.
        Assim precisa ser para ambas as famílias, para quem parte e para quem fica.
        E que possam todos contar com nossas orações.
        Cordialmente,

  9. HILDE,
    COMOVENTE, SUA PRESENÇA ,NO INFORTUNIO EVENTO, NA VIDA DE, DR. IVO PITANGUY. COMO ,JORNALISTA E AMIGA, DO ORGULHO BRASILEIRO, NO MUNDO DA CIRURGIAS PLASTICA E SER HUMANO, VOÇE ,ESTA PRESENTE, COM TANTO, CARINHO. …..LINDO..MEU IRMÃO, ERA AMIGO DELE, EU NÃO O CONHECI, MAS AQUI NO EXTERIOR, QUALQUER MEDICO, DE CALIBRE E DIFERENTES ESPECIALIDADES, SABEM, QUEM ELE, FOI E É. ORGULHO BRASILEIRO……………..MUITO TRISTE MESMO, ESTA OCURENCIA………………….DE LONGE, MAS PERTO NA SOLIDARIEDADE . CONTINUE, DANDO SEU APOIO, ATRAVEZ DAS PALAVRAS ESCRITAS……………….ALL THE BEST,
    GILDA OLIVEIRA PENNA

  10. Conheço bem o Dr. Ivo Pitangui…
    Sei o quanto é bom e generoso Quero expressar a minha solidariedade nesse momento tão difícil e doloroso para ambos os lados.
    Acredito que foi um acidente. E acidentes acontecem, infelizmente!…
    Que Deus ajude, conforte e abençoe a todos!

  11. Hipoteco minha solidariedade a família Pitanguy e a família do falecido.Triste infortúnio. Uma tragédia. Uma dor que Dr Pitanguy, não merecia passar, ao longo dos seus 89 anos. são os desígnios de Deus. parabéns Hildegard Angel, texto lúcido, correto, manifestação de carinho , creio que vc transcreveu muito bem o que todos nós brasileiros estamos sentindo . estou orando pela recuperação do Ivo Filho e tb pedindo a Deus que dê força, paz a toda família, nesse momento tão frágil ..Solidariedade da Bahia.

  12. Somos humanos e infelizmente passamos por momentos jamais imagináveis. Ninguém está imune; quando somos os escolhidos, só Deus e os amigos para nos fortalecer.
    Imagino e entendo a tristeza do nosso mestre. Tais circunstâncias quando batem à nossa porta é muito dolorido .

  13. Meu primo querido, não sei como aliviar seu sofrimento mas quero que saiba que tudo farei para minorar sua dor e quem sabe caminhar com Ivinho por outros caminhos mais seguros e que funcionam! Deus te proteja e a todos queridos primos amigos!

  14. Acredito e tenho certeza que a família está num momento difícil. E que não deixará a família da vítima, em estado de necessidade. Certamente haverá um entendimento entre as partes esposa e filhos menores. E que seja aplicada a Lei vigente no país.

  15. Meus queridos Marilu,Ivo,Gisela, Helcius,Bernardo e tb Ivinho que cresceu em minha casa c/ meus filhos Octavinho e Henrique, crianças, adolescentes, aqui no Jardim Botânico ,na Gávea e em Angra e tb Gstaad; ; o tempo passou e tudo esta bem diferente, mas as recordações e amizades ficaram,assim gostaria de q nesse momento difícil, recebessem meu abraço afetuoso e todo carinho, desejando-lhes mta força e coragem., Lucia Guedes de Mello

  16. Eu fiquei “danada” com a maneira como a GloboNews divulgou o caso. Colocou o filho Pitanguy como “a vítima”!!!!
    Questão de mídia sem ética, penso. Elitista.
    Eu pensei no Dr. Ivo. Essa pessoa sempre nobre. Que está com 89 anos.
    Filhos, quantas vezes, não seguem os ensinamentos de casa…. Porque, inclusive, têm seu EU próprio. Que é livre de instituir SEUS VALORES. Fazer suas escolhas…

  17. Pessoa maravilhosa, operou os seios de minha babá, que eram enormes e a faziam ter sérios problemas de coluna.
    Tudo gratuitamente e com todo pós operatório perfeito.
    Resgatou não apenas a parte física, mas alterou para melhor o seu lado psicológico e de auto-estima para o resto da vida.

  18. Delicadas suas palavras, Hilde. Uma pena tudo isso, realmente!

    Lamento pelo pessoa que veio a falecer e seus familiares, lamento por toda família PItanguy (que não conheço mas que admiro pela trajetória do Professor).
    Um abraço
    Angela

  19. Desejo que as duas famílias possam transpor esse momento, essa fatalidade, essa tragédia, da maneira menos dolorida possível. Se e, que isso e possível. Como mãe, de quatro filhos homens e uma menina de coração, lamento profundamente o ocorrido. Os pais querem e dão o melhor para os filhos. Nem sempre o retorno e o que desejamos. Que Deus ilumine as duas famílias, que Deus as proteja. E que saiba orientar o futuro dos que ficaram, fruto, com certeza que duas famílias despedaçadas, embora em níveis diferentes. E que a justiça seja sabia, nas decisões futuras. Meu carinho e pesar, Liliana

  20. Belíssimo texto! Profundo e verdadeiro! Professor Pitanguy é merecedor de todo respeito e partilho da forma como foi definido: – humanamente GRANDIOSO!

  21. Minha querida Hilde. Que coisa boa ter lido o que escreveu sobre meu muito querido amigo Ivo . AMIGO !!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  22. É professor, infelizmente os filhos crescem e perdemos o controle sobre eles e muitas das vezes não praticam aquilo que ensinamos. O mundo não é perfeito, o que não quer dizer que talvez esta tragedia não veha despertar seu filho pra outra realidade. sei perfeitamente do quanto todos nós brasileiros ou não lhe devemos. Mas acima de todos nós há uma força maior , que é a de Deus, que certamente entrará nesta historia para dar oportunidade de reparação e reconstrução para todos. Minha admiração e solidariedade, sempre.

  23. Comfraternizo com a familia ,deste mundialmente, reconhecido, como o cirurgião , de maior e relevante merito e capacidade, na sua especialidade.
    A dor,deve ser tremenda, para toda familia,por todos os motivos,do ocorrido incidente fatal. Faço votos ,que um consolo,sagrado ou mental, lhes acompanhem.

  24. Impossível falar do Dr. Ivo e da família Pitanguy sem lembrar de solidariedade, generosidade e beneficência.

    • Solidarizo-me com a família Pitanguy, neste momento de dor.
      O Mestre Pitanguy sempre foi um exemplo de profissional e de ser humano. Com certeza, seus exemplos se frutificarão e o amparo à família da vítima virá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *