MOVIMENTO PARA REABILITAR JOHN GALLIANO COMEÇA NESTE MOMENTO NAS REDES SOCIAIS. VAMOS ADERIR?

Começou, há exatamente cinco minutos, um movimento no mundo da moda para reabilitar o gênio da haute couture John Galliano. O start foi dado pela Editora de Moda do jornal britânico The Daily Telegraph, Hilary Alexander, que há cinco minutos exatos postou no blog Twitter para seus 246 mil seguidores a frase, em inglês, “Deixem o John Galliano em paz! Ele NÃO É um monstro. É um brilhante designer. Ele fez uma coisa terrível mas já pagou por isso! Lembrem… quem pode atirar a primeira pedra?” (tradução livre minha, mantendo as maiúsculas dela). Logo em seguida, no mesmo exato minuto, o costureiro italiano Stefano Gabbana, da marca Dolce&Gabbana, retuitou a mensagem para seus 367 mil. E logo depois, euzinha fiz o mesmo, distribuindo a mensagem de Hilary para meus modestos, porém sinceros, quase 17 mil (devo emplacar hoje o número redondo)…

A campanha está lançada: #VoltapraModaGalliano!

8 ideias sobre “MOVIMENTO PARA REABILITAR JOHN GALLIANO COMEÇA NESTE MOMENTO NAS REDES SOCIAIS. VAMOS ADERIR?

  1. Quanta besteira!!! Com tanta gente melhor para reavivar, logo querem reavivar o John Galliano. Essa pretensa genialidade a quem interessa???? Proponho que o Galliano concorra aos desfiles de fantasias carnavalescas, pois era isso que ele fazia das passarelas da casa Dior. Agora Hilde, pergunta para o Guilherme Guimarães o que ele acha do Galliano.

    • Engano seu. Foi o grande renovador da moda na segunda metade do século 20 e significou rios de dinheiro e de lucros extraordinário para as empresas para as quais criou e produziu.

      • Grande Inovador da moda na segunda metade do século XX??????? Justo ele que ganhou destaque justamente nos anos de 1990, isso graças ao apadrinhamento do Bernard Arnault. Quanto aos lucros e rios de dinheiro não significa grande talento, pois grandes talentos morreram pobres e sem reconhecimento. Agora te pergunto, será que a Carmen Mayrink Veiga dividi essa sua mesma opinião?

        • Grande inovador, sim, pois antes conjugava-se mais o clássico ou inovações em torno de bases clássicas. Ele ousou revolucionando, por isso os partidários do clássico essencialmente, como os que você cita, não o aprovam. Mas tudo o que ele faz é um deslumbre, e os jovens da moda o apreciam e veneram. O mundo se renova o tempo todo, Danian. Respeitamos os valores anteriores, mas não podemos negar o novo, a ousadia da renovação. Fosse o contrário e estaríamos até hoje vestindo túnicas gregas. E Galliano significou isso: a proposta do novo. Arnault o apadrinhou e não se arrependeu, lucrou. O banimento de Galliano da moda foi de certa forma conveniente, pois coincidiu com a mudança de uma filosofia em todos os grandes grupos de investidores de moda, que passaram a priorizar as marcas trabalhadas por equipes, sem valorizar talentos individuais. Dentro desse conceito, John Galliano, uma estrela, não se inseria mais, era incômodo.

  2. Acho ele um lixo, Toma distraído!!
    Nem toda sua “genialidade” apaga os horrores de seu preconceito.
    Vai amargar no mármore.

    • Até a pessoa que o acusou já amenizou a história. Ele foi muito provocado. Estava de pileque. Pediu desculpas, se retratou, reconheceu o erro. O ódio só gera ódio. E assim o mundo jamais chega a um entendimento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *