Missão cumprida: “Ocupação Zuzu” é visitada por 90 mil no 50º aniversário do Golpe!

Os números acabam de me chegar às mãos e eu exulto.

Depois de superar a marca dos 43 mil visitantes, na sua temporada paulistana, a “Ocupação Zuzu” ultrapassou as 45 mil presenças no Paço Imperial, de onde saiu de cartaz no último 2 de novembro. Com isso são cerca de 90 mil visitantes.

Missão cumprida: 50 anos depois, mantém-se mais viva do que sempre a história da vida, da arte, do pioneirismo, do heroísmo de minha mãe, em sua obstinada busca de meu irmão sacrificado, drama escrito com tintas sangrentas próprias de uma tragédia grega.

Uma nova geração de brasileiros viu, soube e conferiu de perto a moda inspirada, linda e singular da estilista mineira Zuzu Angel, primeira e única a propor a ‘moda com brasilidade’, legítima, descolonizada; conheceu o martírio de meu irmão, Stuart Angel Jones, de minha cunhada, Sonia Angel, e de seus jovens companheiros idealistas, a quem o Brasil tanto deve esse privilégio de que hoje usufruímos e se chama liberdade! De dizer, ser, pensar, agir, debater, escolher, votar.

São 90 mil novas consciências informadas de nosso país.

Parabéns Zuzu! Obrigada, Itaú Cultural, fundamental e principal parceiro nessa empreitada!

Zuzu AngelZuzu Angel em foto de Antonio Guerreiro / Acervo Instituto Zuzu Angel

14 ideias sobre “Missão cumprida: “Ocupação Zuzu” é visitada por 90 mil no 50º aniversário do Golpe!

  1. Tia Hilde, fiquei muito tocado com essa exposição. O item que mais me emocionou foi a montagem do atelier da nossa guerreira Zuzu. Qdo vi a tesoura lembrei no ato das que meu pai comercializava em Goiás Velho, em sua loja fundada em 1904, por meu avô paterno libanês que veio de Zahle(em 1890) e era vizinho lá dos Geireissate. A tesoura é da marca alemã Solinger. Herdei uma delas qdo meu pai faleceu em 2005 aos 90 anos super bem vividos!
    Os videos com entrevistas da sua mãe, o desfile na casa do Embaixador do Brasil em NY, quando Zuzu aparace entrando na residência com véu preto e colar de cruzes(sinistra, no bom sentido, claro) em luto/protesto pelo Stuart – E M O C I O N A N T E!!!
    A organização e criatividade de sua mãe. Agora sei porque vc é arrojada…Filha de peixe…
    Só vc com seu costumeiro bom gosto e grande categoria para nos presentear com um evento tão belo e histórico como esse.
    Aguardo com expectativa a inauguração do Museu da Moda Zuzul Angel e seu tão esperado livro de memórias.
    Vc não existe, minha boa musa!!!

    Bjs e saudades demais de vc!!!

  2. Parabens Hilde.

    Vi ontem numa Mostra de filme brasileiro aqui em Indianapolis, IN, o filme Zuzu Angel, que muito nos emocionou, seguido de comentarios e Q&As com Americanos e brasileiros na plateia.

    Parabens por manter esta historia viva na nossa memoria e informar aos mais jovens o que foi esse periodo negro de nossa politica brasileira.

    Congratulations,
    Desiree Schofield
    Indianapolis, IN

    • Obrigada, Denise. Feliz em saber que essa história permanece viva e difundida, para que jamais se repita.
      Meu abraço
      Hildegard Angel

  3. Em que pesem os esforços e a resistência obstinada de tantos que lutaram e lutam até hoje contra os abusos e crimes cometidos cometidos pelos agentes do Estado na época da ditadura civil militar, o país ainda persiste inadimplente na sua obrigação de passar a limpo e esclarecer e julgar esses crimes. Em consequência disso aqueles fatos são ignorados e a ignorância leva ao absurdo de que vejamos pessoas nos dias de hoje enaltecer aquela época e manifestar o desejo de que os militares voltem a praticar os crimes que cometeram, iniciado com o desrespeito à Lei maior do país.

  4. Hilde querida, como não se emocionar olhando o trabalho lindo e delicado e ao mesmo tempo intérprete do grito mais lancinante de uma mãe que viu seu filho amado desaparecer?
    Recordei a emoção do dia em que vcs. estiveram no meu atelier e a reverência com que nós, então jovens estilistas, a olhávamos.
    ZUZU ANGEL – Orgulho seu e de todos nós! Parabéns!

  5. Assisti o filme sobre Zuzu Angel fiquei muito emocionada. A vida dela, sua coragem em enfrentar aqueles monstros militares é um exemplo para todas nós mulheres. Deveria ser mais divulgada, recontada nos grandes cinemas do país.
    Ter tido uma irmã como ela é de muito orgulho.
    Um abraço Iolanda

    • Obrigada, Iolanda. Com apenas um reparo. Zuzu Angel foi minha mãe, não minha irmã. Mas hoje a considero também uma filha, memória que embalo permanentemente no meu dia à dia.
      Abraços,
      Hilde

    • Obrigada, Celina. Você acompanhou de perto esse nosso enorme esforço, dando também sua contribuição. Tamos juntas. 😉

  6. Nada mais justo o reconhecimento da arte da estilista ZUZU ANGEL, uma grande brasileira, que respondeu ao facínora brigadeiro Burnier: ” eu tenho apenas legitimidade, quem tinha coragem era meu filho”.
    Homenagem a ZUZU, STUART ANGEL, SONIA ANGEL.
    Sérgio Rubem Coutinho Corrêa, 051841, aposentado, 68 anos.

  7. Quem dera ter podido ir. Memória e história são as bases para qq futuro melhor firmado em justiça Deus te abençoe Hilde.
    “Bem aventurado os que tem fome e sede de justiça”. 5 Mateus

Deixe um comentário para Laura Reiff Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *