Linda Christian, que “causou” no Copacabana Palace, está morta

Morreu, aos 87 anos, a translumbrante atriz Linda Christian, que foi mulher do famoso ator Tyrone Power, com quem se casou em 1949. Tyrone era um dos maiores ídolos do cinema, junto com Clark Gable, Gary Cooper e Fred Astaire. Tyrone e Linda foram o grande casal de celebridades de sua época e tiveram duas filhas, Tarina e Romina. Esta casou com o cantor italiano Al Bano, com quem formou uma dupla que era chamada dos “Sonny e Cher” da Itália

Linda, que era chamada de “bomba anatômica” e fez pequenos papéis em filmes, ficou mais conhecida por seus in-con-tá-veis romances com personagens famosos, como o toureiro espanhol Dominguin, e milionários, como o brasileiro Baby Pignatari, com quem esteve com ele no Brasil, “causando” geral no Copa, com muitas histórias registradas no livro de memórias do hotel…

LindaParty Linda Christian, que causou no Copacabana Palace, está morta

Vejam aqui a Linda, olhando para a lente do fotógrafo (Jean Howard), ao lado de seu gato Tyrone Power, na foto em que também estão Clark Gable, o duque de Windsor, a socialite Dolly O’Brien. O de costas é o produtor Jack Warner, da Warner Brothers. A gordinha entre o duque e Tyrone é a grande colunista social da época, Elsa Maxwell, anfitriã do jantar, que aconteceu no Caribe, em 1948.

linda francisco pignatari Linda Christian, que causou no Copacabana Palace, está morta

Outro romance de Linda, o brasileiro Francisco Pignatari, o Baby, do rol dos “playboys internacionais” que foram mito na época. Também foi casado com a princesa Ira de Fürstenberg, que chegou a vir morar em São Paulo com ele, e por isso ainda fala um ótimo português.

linda Linda Christian, que causou no Copacabana Palace, está morta

O toureiro Dominguin, em reprodução da revista Life, era tipo um David Beckham de seu tempo. As mulheres se jogavam a seus pés. Mas foi Linda quem dominou o coração do dominador de touros…

linda85922 Linda Christian, que causou no Copacabana Palace, está morta

O piloto de corridas espanhol, de 29 anos, conde Alphonso de Portago, que morreu logo depois de ser beijado pela então namorada Linda Christian, antes de sua Ferrari se espatifar na famosa corrida das Mil Milhas, em 1957

lindadeportago clip image017 Linda Christian, que causou no Copacabana Palace, está morta

O beijo de Linda em Portago, antes de ele acelerar a Ferrari, que foi chamado de O Beijo da Morte, e a foto correu mundo e vendeu muitas revistas

Mas Linda Christian, meus amores, não era essa Coca-Cola toda não. Os amigos brasileiros de Pignatari (leia-se aí a legendária “Turma dos Cafajestes”), quando a conheceram no Rio de Janeiro, a acharam chatérrima, e chegaram a fazer uma passeata em frente ao Copacabana Palace, onde ela estava hospedada, com cartazes onde estava escrito “Linda Go Home!”. O namoro terminou ali…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *