ASSIS BRASIL EMPOLGA DE NOVO EM PORTUGAL

João Carlos Assis Brasil bombou mais uma vez em Portugal. Agora, em Coimbra, na famosa Biblioteca Joanina, que,  de tão cheia, precisou ter suas portas fechadas porque não cabia mais sequer um mosquitinho. Voltaram da entrada, muitos dos alunos, com suas capas tradicionais, lamentando não poderem escutar o piano deste virtuose brasileiro, levado pelo projeto Música no Museu, que  atração apresentou  clássicos nossos, de Villa Lobos a Tom Jobim. Houve três bis, o último, a canção Coimbra, em homenagem à cidade.

O sucesso do recital se repetiu em Lisboa, no Palácio Foz, com a plateia indo ao delírio, num horário de 4 da tarde, em pleno domingo, lotando completamente o lindo Salão dos Espelhos.

Dada à receptividade, o diretor do projeto, Sérgio Costa e Silva, foi convidado para realizar ali quatro concertos por ano em lugar dos dois já programados. Na plateia de portugueses, duas exceções: a diplomata Tania Souza, chefe do setor cultural da Embaixada do Brasil em Lisboa, e Vera Tostes, diretora do nosso Museu Histórico Nacional.

Depois de cidades do Chile, Austrália,  Áustria e Portugal, a próxima parada do projeto será a Argentina, em outubro. O Música no Museu se expande para o mundo depois de se consolidar no Brasil.

João Carlos-2013-09-06 18.52.19João Carlos-2013-09-06 18.52.36

João Carlos-2013-09-06 15.43.30João Carlos Assis Brasil, um virtuose do piano, um brasileiro extraordinário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *