ACORDO DE R$ 150 MILHÕES ENCERRA PROCESSO DE 25 ANOS E BENEFICIA 1,5 MIL PROFESSORES DA UERJ

O título é a notícia boa.

A notícia ruim é que o pagamento será feito por Precatórios!

Para receberem as verbas trabalhistas a que têm direito, foram necessários 25 anos de espera pelos 1.574 professoras da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj).

O acordo entre os representantes da instituição e do Sindicato dos Professores do Município do Rio de Janeiro, no valor líquido de R$ 149.637.170,47, foi homologado na manhã desta quarta-feira (3/12), na Coordenadoria de Apoio à Efetividade Processual (Caep), no Prédio-Sede do TRT/RJ. Em audiência presidida pelo desembargador Cesar Marques Carvalho.

As partes acertaram que o pagamento será feito mediante a expedição de precatórios, sendo R$ 131.140.522,73 em favor dos substituídos pelo sindicato e R$ 18.496.647,74 de multa processual, em favor da entidade sindical.

Com o cumprimento dos termos da conciliação, o processo, iniciado em 1989, estará encerrado.

Até a promulgação da Lei Nº 8.112, de 1990, que instituiu o regime jurídico único dos servidores civis, os professores da Uerj eram contratados pelo regime celetista, e por essa razão os docentes ingressaram na Justiça do Trabalho, por meio do sindicato, para pleitear verbas trabalhistas.

O valor total do acordo, de quase R$ 150 milhões, chama a atenção.

A título de comparação, a Semana Nacional de Conciliação – evento promovido de 24 a 28 de novembro pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em parceria com os tribunais estaduais, federais e do Trabalho – atingiu, no âmbito do TRT/RJ, o montante de R$ 65,125 milhões.

Esta é a notícia que acaba de ser divulgada pelo Tribunal Regional do Trabalho 1ª Região.

 

3 ideias sobre “ACORDO DE R$ 150 MILHÕES ENCERRA PROCESSO DE 25 ANOS E BENEFICIA 1,5 MIL PROFESSORES DA UERJ

  1. Este blog está parado no tempo e no espaço. O que houve de concreto?
    Dizem as más línguas que o PT dá mesada a vários blogueiros, mas não creio ser este cenário aplicável ao blog em questão.
    Com a máxima venia, espero que ele retorne logo.
    Abraços e saudações cordiais.

  2. Então lascou-se, Hilde. Precatório é um palavrão que assusta os brasileiros de bem. em todos os setores de atividades eles mandam e desmandam. familias inteiras morrem antes de receber. uma imoralidade. um desrespeito, um escárnio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *