A morte de Raphael de Almeida Magalhães

A alta sociedade carioca está em estado de choque. Morreu esta madrugada, de um mal súbito, em sua casa no Alto da Boa Vista, o advogado Raphael de Almeida Magalhães. Homem de grande trânsito político e empresarial, Rafael, 80 anos, era o grande conselheiro do empresário Eike Batista e de seu pai, Eliezer. Foi Raphael quem aproximou Eike do presidente Lula, o que valeu altos dividendos de prestígio e trânsito ao empresário. Sem qualquer problema de saúde, filho de Dario Almeida Magalhães, que morreu, lúcido, aos 94 anos, sua morte surpreendeu inclusive aos médicos…

Personagem dos eventos sociais nos anos 60, 70 e até nos 80, sempre visto ao lado de sua Mitzi, Raphael tornou-se praticamente um recluso nos últimos anos, em sua casa no Alto. Ex-conselheiro da Light, ele mantinha o escritório de advocacia do pai e podia ser encontrado ou lá ou no escritório de Eliezer Batista, talvez o seu maior amigo, ao lado de Aldo Floris. Homem de grande beleza física, Raphael fez o mulherio suspirar profundamente nos idos de sua juventude lacerdista. Ao lado de Mitzi, ele formou um dos jovens casais mais bonitos da sociedade brasileira…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *