UM ANO SEM EDYALA SANTO DOMINGO

As amigas lembram que faz um ano que morreu Edyala Santo Domingo. Um ano sem aquele sorriso largo, aquela esfuziante vocação para ser feliz, para celebrar, festejar, distribuindo simpatia, colecionando simpatia, multiplicando simpatia, gerando em torno de si uma onda de positividade e amizades.

Edyala foi muito feliz, mas teve um fim de vida muito triste, depois de perder seu único filho, que morreu de repente.

Daí que, para lembrá-la, estou postando aqui um momento alegre de Edyala, num almoço no Sofitel entre Olivia Barradas e Alayde Rocha Neves, sua amiga, desde quando ambas moravam em Paris.

Scan0001Olívia Barradas, Alayde Rocha Neves e Edyala Santo Domingo no restaurante do Sofitel

Uma ideia sobre “UM ANO SEM EDYALA SANTO DOMINGO

Deixe um comentário para Vera e Luiz Bangel Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *