Angélique, cadê você?

Sabedoras de minha amizade e meu carinho por ela, as pessoas me cobram, perguntam: “Cadê a Angélique?”, “onde está a Chartouny?”. Sentem falta do look luxuoso da nossa darling libanesa from Belém do Pará, de suas jóias capotantes e sua inacreditável coleção de vestidos de baile haute couture assinados por Elie Saab.

Tenho a dizer que a querida Angélique recupera-se de uma queda, que a deixou debilitada e com algumas fissuras, mas logo deverá estar de volta ao convívio social carioca. É a nossa torcida, são as nossas orações, as boas energias, é o pensamento positivo de todos que ela sabe cativar com sua doçura e a hospitalidade das rosas vermelhas nos belos jantares de lugares marcados e toalhas de renda. Grande Angélique!

angelique

Angélique, em breve de volta ao convívio de seus amigos

Foto Marcelo Borgongino

 

4 ideias sobre “Angélique, cadê você?

  1. Mesmo não conhecendo esta Senhora, desejo que se restabeleça logo, porque é uma das poucas que ainda mantém acesa a “chama Social e Chic” daquele Rio dos “anos dourados” que não existe mais, com seus Jantares chiquérrimos e espetaculares, como só havia “antigamente”! Assim é: as pessoas sentem falta daqueles que lhe são queridos! Eu senti a falta de muitos dos amigos da Hilde, daqueles que sempre estiveram, através de décadas, sendo prestigiados por ela na sua Coluna, agora Blog, no dia da Vitória dela, com a Inauguração do Busto do seu amado, saudoso irmão Herói, Stuart Angel Jones…Quem tem medo da Hildegard Angel, “política”? Medo de se comprometer? Shame…..

Deixe um comentário para Patricia Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *