Quando a nudez das primeiras-damas do Ocidente se tornou trivialidade

O tabloide americano New York Post expõe hoje na sua primeira página a mulher do candidato republicano à Presidência da República, Melania Trump, nua, com um par de estrelinhas cobrindo os mamilos, e diz na manchete “Você nunca viu dessa forma uma potencial primeira dama”.

Os americanos, pode até ser, já os franceses viram a bela Carla Bruni nua em pelo, antes de o presidente Sarkozy se casar com ela, em plena vigência de seu mandato. Enquanto os próprios norte-americanos viram a sua first lady mais carismática de todos os tempos, Jacqueline Kennedy, completamente nua, frente e verso, ao sol abrasador da ilha grega de Skorpios, no tempo de seu namoro com o armador magnata grego Aristóteles Onassis, com quem se casou num episódio rumoroso, que rendeu quilômetros de gossips envolvendo um inédito contrato nupcial recheado de exigências e milhões de dólares.

E nem vou falar dos flagrantes das princesas das cortes europeias topless ao sol…

melania (1) “Você nunca viu uma potencial First Lady desse jeito”

carla bruni

O ensaio com Carla Bruni, definitivamente, tinha muito mais classe, bom gosto e qualidade artística

jackie o

A ex-primeira-dama Jaqueline Kennedy foi flagrada na intimidade de seu banho de sol, na Ilha de Skorpios, de forma desrespeitosa, por um paparazzo….

Fotos Google

Uma ideia sobre “Quando a nudez das primeiras-damas do Ocidente se tornou trivialidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *