Oestúdio une o artesanal ao industrial em desfile criativo, com direito a modelo andando para trás!

O coletivo Oestúdio trouxe para a passarela do Fashion Rio a coleção Laboteliê, com a proposta de unir o artesanal ao industrial, como roupas recortadas a laser. As estampas digitais representando elementos rústicos, como papel amassado, também traduziram o conceito da coleção, além de sacolas de couro que pareciam sacolas de papelão, com a palavra “frágil” pendurada. Na cartela de cores, tons de azul, preto, branco, lima e cinza. Tecidos naturais, como algodão, e sintéticos, como látex…

O highlight do desfile ficou por conta da alfaiataria desconstruída, o forte da marca, cheia de recortes, de formas bacanas e assimétricas. A coleção também apresentou muitas peças de modelagem ampla e soltinha. Destaque para o bloco de roupas com letrinhas de tecido cortadas a laser. Mas o momento mais inusitado foi a entrada do último modelo na passarela, que desfilou normalmente e… de repente, começou a andar para trás ao som da trilha sonora rebobinada!…

oest v12 001 Oestúdio une o artesanal ao industrial em desfile criativo, com direito a modelo andando para trás!

oest v12 003 Oestúdio une o artesanal ao industrial em desfile criativo, com direito a modelo andando para trás!

oest v12 002 Oestúdio une o artesanal ao industrial em desfile criativo, com direito a modelo andando para trás!

oest v12 008 Oestúdio une o artesanal ao industrial em desfile criativo, com direito a modelo andando para trás!

oest det v12 005 Oestúdio une o artesanal ao industrial em desfile criativo, com direito a modelo andando para trás!

Clique nas fotos abaixo para ampliá-las…

Fotos: Agência Foto Site

No vídeo a seguir, o bloco de roupas com letrinhas cortadas a laser e o momento inusitado do modelo andando para trás ao som da trilha sonora rebobinada…

No segundo momento, a entrada final dos modelos na passarela…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *